soiej
Incêndio destrói fábrica de semijoias no bairro Palmeiras, em Belo Horizonte
16 de novembro de 2017
cassino
Incêndio em hotel onde aconteceria concurso Miss Geórgia deixa mortos
26 de novembro de 2017
Exibir tudo

Incêndio atinge casa onde estavam 30 cachorros no Recife

dog

Fogo atingiu todos os cômodos e destruiu laje do imóvel. Segundo vizinhos, ninguém mora no local, mas um homem vai alimentar os animais todos os dias.

Um incêndio atingiu uma casa na Rua Carlos Pena Filho, no bairro de Afogados, na Zona Oeste do Recife, na manhã desta quinta-feira (23). No imóvel, que estava abandonado, viviam mais de 30 cachorros que, segundo o Corpo de Bombeiros, não se feriram. Segundo vizinhos, ninguém mora no local, mas um homem vai alimentar os animais todos os dias.

A corporação recebeu a ocorrência por volta das 4h40, quando foram enviadas três viaturas, sendo duas de combate ao incêndio e uma de comando operacional. De acordo com testemunhas, o fogo começou pouco depois das 4h.

Incêndio atingiu todos os cômodos da casa e derrubou a laje, mas cachorros não se feriram (Foto: Marlon Costa/Pernambuco Press)

Incêndio atingiu todos os cômodos da casa e derrubou a laje, mas cachorros não se feriram (Foto: Marlon Costa/Pernambuco Press)

Um dos vizinhos, Antônio Melo explica que os cães eram alimentados por um homem, que diariamente vai ao local deixar comida. “O muro é muito alto e a casa tem muitas plantas, por isso, só vimos o incêndio por causa da fumaça e do latido dos cães. O dono costuma ir pela manhã no local, deixa comida e vai embora, mas a casa é cheia de lixo e entulho”, disse.

De acordo com os Bombeiros, todos os cômodos da casa foram atingidos pelas chamas. Parte da laje desabou e outra apresentava fissuras por causa do fogo. Os animais estavam na parte externa da casa e, por isso, não se feriram. Alguns deles conseguiram fugir do imóvel. A Defesa Civil, a Vigilância Sanitária e a Companhia Energética de Pernambuco foram acionadas.

Os Bombeiros fazem trabalho de rescaldo no imóvel, para evitar que novos focos de incêndio se formem. Procurada pelo G1, a Secretaria Executiva dos Direitos dos Animais (Seda) do Recife afirmou que nunca recebeu denúncias sobre a casa onde houve o incêndio, mas que foram acionadas equipes para verificar a situação dos animais encontrados no local.

Em nota, a Defesa Civil afirmou que trata-se de um imóvel sem moradores, com acúmulo de entulho e lixo, em condições precárias e insalubres. O documento diz, ainda, que “a infraestrutura da residência ficou comprometida e a recomendação é de que o imóvel seja demolido”.

Fonte: G1